Espiral do Silêncio (ou Poema banal para o amigo dinossauro)

dino

A Teoria da Espiral do Silêncio diz

que o amor não deve ser calado,

que aquilo que parece pode não ser

e pensei em tudo isso enquanto adormecia.

Noite agitada. Noelle-Neumann, Leminsky ecoavam em minha cabeça, misturavam-se a sonhos indecifráveis.

Pela manhã, a impressão de que eu vivia o que Calvino descreveu em seu microconto:

“Cuando despertó, el dinosaurio todavia estaba allí”.

Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. felipe disse:

    gostei do desfecho hombre,
    o dinossauro que estava ali.
    foi curtinho mas caiu bem!

    voce ja assistiu cinema paradiso? um filme italiano da decada de 80?
    ele traz uma frase que me tira o sono, é algo como “chega uma época em nossa vida, em que falar tem o mesmo significado de não falar. então é melhor não falar”
    meio tenso ;P
    é bom ter certeza que é amor antes de não cala-lo

    mas e a vida por ai? ta boa?
    um grande abraço

  2. felipe disse:

    achei o trecho todo:

    “Cedo ou tarde chega a hora em que falar ou calar é a mesma coisa. Então é melhor ficar quieto. Todos temos uma estrela para seguir. Vá embora. Esta terra é má. Quando está sempre aqui sente-se no centro do mundo. Parece que nada muda, nunca. Fica longe um ano ou dois e, ao voltar, mudou tudo. Algo se quebrou. Não acha a quem procura. Nada mais é seu. Deve-se ir embora por muitos e muitos anos para encontrar na volta a sua gente, a terra onde nasceu. Agora não é possível. A vida não é como você viu no cinema, é mais difícil. Você é jovem! O mundo é seu! E eu sou velho. Não quero ouvi-lo falar, quero ouvir falar de você.”

    genial, não?

    1. Sim, genial e sensível. Perfeito pra essa madrugada.

  3. Guto disse:

    A noite se oferece toda para nossos devaneios, nossas filosofias, nossos questionamentos. É incrivel perceber, ao acordar no dia seguinte que tudo é o que tem de ser. Abração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s